Filipe Martins tem 37 anos, é casado com Renata Martins. É pai do João Filipe e da Maria Fernanda. Pioneiro no Tocantins chegou ao estado em janeiro de 1989. Ele é natural de Goiânia (GO).

É membro da Comissão da Família, na Convenção dos Ministros Evangélicos das Assembleias de Deus Madureira no Estado do Tocantins (CONEMAD/TO).

Formado em Gestão Pública, foi eleito vereador em Palmas para o pleito 2016-2020 e se reelegeu para o pleito 2021-2024. Cristão, Filipe Martins pertence à Assembleia de Campo Nação Madureira.

Atualmente, Filipe Martins é presidente da Comissão de Administração Pública, Urbanismo e Infraestrutura Municipal e vice-presidente da Comissão de Políticas Públicas Sociais na Câmara de Vereadores de Palmas.

Colaborou para unificar as bancadas evangélica e católica na Câmara de Palmas formando a Bancada da Família e tem diversos projetos e indicações que beneficiam os cidadãos Palmenses.

Autor do projeto para proibir a instalação de banheiros unissex em Palmas. Também já pediu que o município faça adesão ao “Programa Escola Sem Partido”, para assegurar o direito de liberdade dos pais e responsáveis em educar os seus filhos de acordo com seus próprios princípios e valores morais.

Filipe Martins é autor de diversos projetos de forte impacto social, a exemplo da criação do Dia Municipal do Doador Voluntário de Sangue, para atrair novos doadores e abastecer o estoque dos Hemocentros da Capital.

Tem um intenso trabalho social prestado à Capital e todo Estado do Tocantins. Sempre atuou intensamente pelas famílias e seu trabalho é defendê-las no Legislativo.

“O maior legado que quero deixar para as pessoas é a proteção da família e a luta para impedir o ensino de ideologia de gênero nas escolas do Tocantins. Sempre defenderei a vida, a família e os valores éticos cristãos.”