ASCOM

Filipe Martins faz questionamentos em Audiência Pública sobre aula de sexo

Na tarde desta quinta-feira 23, o vereador Filipe Martins (PSC) participou da reunião Extraordinária na Câmara Municipal de Palmas, para esclarecimentos sobre a Palestra “E Agora?” ocorrida no ultimo dia 14, na Escola de Tempo Integral Anísio Spíndola Teixeira.

O presidente da CCJ (Comissão de Constituição, justiça e Redação) da Câmara, convidou o Secretario de Educação Danilo Melo, que não compareceu, mas foi representado pela secretária Executiva da Educação de Palmas, Germana Pires Coriolano. Foram convidados também o presidente da Fundação de Juventude Nahylton Alen e os pais das crianças que assistiram a palestra sobre sexualidade.

Na ocasião, os pais falaram da imoralidade que foi passada durante a palestra na escola. “A cada pronunciamento eu via mais veracidade e indignação por parte da população. É violência psicológica o que aconteceu durante essa palestra” disse o vereador Filipe Martins.

Martins ainda lamentou a ausência da palestrante Sâmia Chabo, já que para ele, seria de grande valia ouvi-la e poder fazer algumas perguntas. “Ela usou de má fé e foi premeditada. Quem vai dar palestra pra crianças menores e adolescentes não tem que levar camisinha, lubrificante anal. Vai ter que se apresentar a justiça comum, respondendo por crimes previstos no Estatuto da Criança e adolescente.”

Medidas

Na reunião ficou definido que o programa “E Agora ?” será suspenso temporariamente, e que sofrerá alterações para evitar que esses acontecimentos se repitam. Também foi anunciado o afastamento da palestrante e da diretora responsável pela direção da escola.

O vereador Filipe Martins usou a tribuna no dia 16 do mês corrente, para defender o afastamento dos responsáveis pela palestra. Na ocasião foi duramente criticado por muitos dos seus colegas pelo seu posicionamento firme e contrario as acusações apresentadas.

Para Martins, essa reunião com pais e responsáveis pela educação de Palmas, só fortaleceu as convicções e posicionamentos a respeito da erotização infantil e ideologia de gênero. “Aproveitando a presença do Deputado Eli Borges, convidou o parlamento Estadual para juntos defendermos nossas crianças e os bons costumes da família tradicional”, finalizou.

ASCOM
ASCOM
ASCOM
ASCOM

Veja também

Comentários

Carregando...